UE reserva 200 milhões de doses da potencial vacina anticovid-19 da Biontech-Pfizer


A Comissão Europeia anunciou nesta quarta-feira um acordo para reservar 200 milhões de doses da potencial vacina contra a covid-19 desenvolvida pela aliança Biontech-Pfizer, grupos alemão e americano, com uma opção de 100 milhões de doses adicionais.

Ursula Von der Leyen, presidente da Comissão, afirmou em uma nota que “nossas possibilidades de desenvolver uma vacina segura e eficiente nunca foram tão elevadas”.

Este é o sexto acordo do tipo anunciado pela UE, que já assinou entendimentos similares com a Sanofi-GSK, Johnson & Johnson, Curevac, Moderna e AstraZeneca.

A comissária europeia da Saúde, Stella Kyriakides, expressou em um comunicado seu otimismo “de que entre as candidatas existirá uma vacina segura e efetiva contra a covid-19, que nos ajudará a derrotar esta pandemia”.

Kyriakides destacou que o acordo anunciado nesta quarta-feira “é outro passo importante em nossos esforços para construir uma reserva sólida e diversificada das vacinas candidatas”.

A empresa alemã Biontech e o laboratório americano Pfizer trabalham há vários meses no projeto de vacina, que entrou em uma fase de testes clínicos em grande escala no fim de julho.

No início de julho, a aliança anunciou resultados preliminares positivos, após testes em 45 pessoas.

O governo dos Estados Unidos anunciou em 22 de julho que pagaria 1,95 bilhão de dólares para obter 100 milhões de doses da possível vacina.

O Japão também concluiu acordos com o grupo para reservar 120 milhões de doses.

 

Fonte:

https://www.msn.com/pt-br/noticias/mundo/ue-reserva-200-milh%C3%B5es-de-doses-da-potencial-vacina-anticovid-19-da-biontech-pfizer/ar-BB18R0iC?ocid=msedgdhp

Não há comentários

Faça um comentário