Austrália aprova remdesivir da Gilead para tratamento com COVID-19


(Reuters) – A Austrália concedeu aprovação provisória ao remdesivir da Gilead Sciences Inc como a primeira opção de tratamento para o COVID-19 no país, informou nesta sexta-feira a Administração de Produtos Terapêuticos (TGA).

A aprovação é para pacientes adultos e adolescentes com sintomas graves de COVID-19 e foram hospitalizados, informou o órgão regulador australiano. (https://bit.ly/2BWzAw7)

O remdesivir tornou-se o tratamento de escolha para muitos países contra pacientes com COVID-19 gravemente enfermos, depois que o medicamento administrado por via intravenosa ajudou a diminuir os tempos de recuperação hospitalar em um ensaio clínico.

A aprovação australiana amplia o uso do remdesivir em todo o mundo – os Estados Unidos o liberaram para uso emergencial e a Comissão Européia aprovou condicionalmente o tratamento.

Também é aprovado como terapia COVID-19 no Japão, Taiwan, Índia, Cingapura e Emirados Árabes Unidos.

A Austrália está lutando para conter um surto de COVID-19 na segunda cidade mais populosa do país e na sexta-feira disse que reduziria pela metade o número de cidadãos autorizados a voltar para casa do exterior a cada semana.

 

Fonte: https://www.nytimes.com/reuters/2020/07/10/world/asia/10reuters-health-coronavirus-australia-remdesivir.html

Não há comentários

Faça um comentário